sexta-feira, 26 de junho de 2015

PRÁTICA DE EXERCÍCIOS EXTREMOS PODE RESULTAR EM INFECÇÃO SANGUÍNEA

corrida

A prática de exercícios físicos extremos pode levar à contaminação da corrente sanguínea por bactérias intestinais, o que, segundo estudos da Universidade de Monash, na Austrália, resulta em envenenamento do sangue.
Analisando participantes amadores de maratonas, os pesquisadores descobriram que ocorrem mudanças nas paredes do intestino, permitindo que as bactérias naturalmente presentes ali “vazem” para a corrente sanguínea, provocando uma resposta anti-inflamatória do organismo. Essa resposta pode resultar na síndrome de resposta inflamatória sistêmica induzida por sepse, o que pode levar à morte caso não diagnosticada e tratada precocemente.
Comparando exames de sangue dos participantes antes e depois das maratonas, os pesquisadores observaram que todos apresentavam evidências de sepse após a corrida. Contudo, os pesquisadores ressaltam que a manutenção de uma dieta correta combinada com a prática constante de exercícios físicos faz com que o corpo desenvolva mecanismos para se proteger dessa possível infecção.
Os estudos foram publicados no International Journal of Sports Medicine and Exercise Immunology Reviews.
Fonte: UPI, 16 de junho de 2015