quarta-feira, 24 de junho de 2015

CURRY PODE AJUDAR A PREVENIR O CÂNCER E A OBESIDADE

 O curry é uma mistura de especiarias essencialmente a base de cúrcuma (20 a 30%) associada a coentro, cominho, noz moscada, gengibre, pimenta e canela podendo variar a composição. 
Seus benefícios à saúde estão relacionados com a cúrcuma, ou com a curcumina, seu composto ativo. A composição do curry favorece ainda mais a ação da curcumina, pois a pimenta preta, presente no curry, possui a piperina, que melhora a biodisponibilidade da curcumina fazendo com que sua ação seja potencializada. 
A curcumina é um potente anti-inflamatório e antioxidante. Essas propriedades estão relacionadas com a prevenção da maioria das doenças crônico-degenerativas, pois essas patologias têm como fundo a inflamação crônica e os danos causados por radicais livres. 
A curcumina vem sendo muito estudada no tratamento e prevenção do câncer. As células cancerosas apresentam resistência a apoptose (morte celular programada). A curcumina teria um papel em bloquear o ciclo celular e induzir a apoptose em células neoplásicas, sem afetar células saudáveis inibindo a progressão do tumor. Ela também teria um papel na prevenção do desenvolvimento de resistência a drogas quimioterápicas. 
Na diabetes, a curcumina está relacionada com melhora da sinalização da insulina e melhor controle da glicemia. Isso porque a resistência a insulina está associada a citocinas inflamatórias e a curcumina teria ação antioxidante e anti-inflamatória. Estudos mostram que a curcumina previne a obesidade decorrente da resistência a insulina e complicações associadas como aterosclerose. 
A neuro inflamação é um mecanismo central envolvido nos processos neurodegenerativos, como Doença de Alzheimer. O uso da curcumina vem sendo muito estudado pela sua conhecida função anti-inflamatória e antioxidante. Estudos em animais mostram que ela pode prevenir a morte de neurônios na presença de doença neurodegenerativa, melhora déficits de cognição e memória. 
A artrite é uma doença crônica que resulta da inflamação de uma ou mais articulações. Estudos mostram que o uso de curcumina no tratamento de alguns tipos de artrite tem benefícios como diminuição dos marcadores inflamatórios, melhora no inchaço, na rigidez e na mobilidade. E os pacientes apresentam menos efeitos colaterais comparados com os que usam medicamentos como analgésicos e anti-inflamatórios não esteroidais. 
Muitos estudos têm demonstrado os efeitos anti-obesogênicos da curcumina. Ela teria um papel na inibição de células de gordura, suprimiria o depósito de gordura, promoveria queima de gordura e reduziria a reposta inflamatória no tecido adiposo. 
Além disso, seus outros componentes também tem ação terapêutica. O gengibre também tem ação anti-inflamatória, o coentro e o cominho ajudam na digestão e a canela tem efeito no controle glicêmico após as refeições. 
O curry pode ser consumido em diversas preparações como sopas, carnes, frango, peixes, arroz, tortas, panquecas e saladas. Pessoas sensíveis devem evitar o excesso, pois pode causar mal estar gástrico.